Intercâmbio para a Irlanda: Vale a pena?

Oi gentee!!

Hoje, vim aqui trazendo um assunto que é muito pedido e falado em outros blogs. Que é sobre o Intercâmbio!

Eu particularmente, nunca fiz um intercâmbio e para falar a verdade nunca tive esse sonho de morar em outro país. Mas, como sei que existem muitas pessoas que sonham com isso e que gostariam de saber um pouco mais sobre a experiência de quem fez/faz intercâmbio, resolvi convidar meu amigo Luigi para uma entrevista aqui para o blog.

Ele está fazendo intercâmbio na Irlanda, mais precisamente em Dublin, há mais de seis meses e trouxe várias informações úteis que decidi compartilhar com vocês!

Por qual motivo você quis fazer o intercâmbio? E por quanto tempo?

Quando surgiu a ideia do intercâmbio eu não tinha começado a faculdade ainda, queria fazer logo que acabasse a faculdade, mas nesse instante aconteceram várias coisas em minha vida que eu pensei, assim que eu acabasse a faculdade eu não queria parar de estudar, ou continuava estudando ou queria fazer uma coisa diferente, eu precisava de um tempo, eu precisava de pensar na minha vida, então decidi fazer o intercâmbio. Outo motivo também, é que como fiz Recursos Humanos e já trabalhava na área, é uma área que requer que eu fale pelo menos duas línguas, é uma área que eu quero trabalhar. Precisava de crescer também, mas o fator principal era aprender outra língua. No primeiro momento eu ia fazer seis meses só de intercâmbio (seis meses de estudo), mas eu gostei tanto daqui, que eu não quero ir embora tão cedo. As minhas aulas já acabaram, mas pretendo ficar aqui um ano, porque o visto da Irlanda permite seis meses de estudo e seis meses de trabalho, no momento estou trabalhando.

Por que você escolheu a Irlanda?

Eu havia escolhido ir para o Canadá, só que como eu tinha pouco tempo para resolver a minha ida para o intercâmbio, mas demorava muito tempo para tirar o visto para o Canadá e então pesquisei nas agência e na internet, busquei informações em que o visto era dado com mais agilidade para os brasileiros. Então descobri que a Irlanda dava o visto para estudantes quando você chega no país, não antes como por exemplo o Canadá e Estados Unidos. Então decidi vir para a Irlanda, também pelo custo de vida daqui ser mais acessível e o custo do intercâmbio também. Mas, acredito que foi a melhor escolha que eu pude ter, pois é um lugar apaixonante.

O que você esperava do intercâmbio e o que realmente aconteceu?

Quando eu decidi fazer intercâmbio, eu esperava que seria bom para mim, por ser uma experiência nova, por eu ter que conviver com pessoas diferentes no apartamento, por eu estar vivendo em outro país. Eu sempre acreditava que iria ser bom, mas eu nunca imaginava que seria tão emocionante, tão perfeito como está sendo, tudo acontece da maneira certa. Eu acredito que quando fazemos intercâmbio, as nossas emoções ficam a flor da pele por diversos fatores, por estar longe de casa, por estar em continente diferente, por estar realizando um sonho, por ter encontrado pessoas diferentes. Eu esperava sim que fosse bom, que eu iria encontrar desafios, mas é uma experiência única.

Quais são as vantagens e desvantagens de se fazer intercâmbio?

Eu acredito que não há desvantagens de se fazer intercâmbio, porque tudo que você conhece, tudo que você aprende no intercâmbio é para sua vida inteira, a conviver com outras pessoas, a aprender a falar uma nova língua, a ter paciência de esperar tempo para matar a saudade de seus familiares. A vantagem de você viver sozinho em outro lugar e você aprender a cada dia, aprender com outras pessoas de diferentes nacionalidades, que não no caso não só brasileiros a gente encontra, mas sim pessoas do mundo todo. Acredito que não tenha nenhuma desvantagem, só tem vantagens.  

Você foi por alguma agência ou por conta própria?Se por agência o valor é parcelado?

Como eu nunca tinha feito intercâmbio antes, eu decidi vir por agência, porque por agência você tem mais segurança, caso aconteça alguma coisa com você ou com a escola que você for estudar ou durante o trajeto da viagem. Por agência acontece da seguinte forma, você contrata uma agência de intercâmbio, que no meu caso foi a Egali, com sede em Belo Horizonte. Procurei a Egali, falei que eu queria fazer o intercâmbio para a Irlanda, comprei com eles a minha escola; comprei o seguro saúde que é muito importante caso aconteça alguma coisa com você, caso você passe mal você tem o seguro; comprei o seguro governamental que é obrigatório para entrar no país, dentre outros. Eu decidi fazer por agência, porque eles ofereciam um mês de acomodação assim que você chegasse na Irlanda, então dava tempo de você procurar uma outra moradia para se hospedar, compraram minha passagem, na verdade eles fizeram tudo pra mim. Então de primeira vez eu vim por agência, eu acredito que por ser marinheiro de primeira viagem compensa vir por agência, mas se você tem coragem, vale a pena vir por conta própria também, porque sai mais barato. As agências elas parcelam de acordo com a sua necessidade, porque querendo ou não, elas querem vender o produto.

Qual nível de inglês você deve ter para fazer intercâmbio?

Quando vim para a Irlanda eu tinha um inglês bem básico, seis meses antes de vir eu contratei um professor para me dar aulas particulares de inglês, para eu tentar desenvolver um pouco mais a língua. Mas você que não sabe praticamente nada de inglês não se preocupe, venha e venha sem medo, porque eu encontro diversas pessoas aqui que vem sem inglês e sempre vai ter um brasileiro para te ajudar. Quando você chegar na sua escola, você vai fazer um teste de nivelamento e eles vão te enquadrar na sala a qual caiba seu nível de inglês. Então, caso você não tenha inglês algum, você vai entrar numa sala que aprende desde o início, aprende cores por exemplo, e assim você vai subindo de nível. Com três meses eu garanto para você, você já vai conseguir se comunicar.

Me diga sobre os principais documentos necessários para fazer o intercâmbio para Irlanda.

Os principais são, passaporte, a carta da escola que você vai estudar, a carta da acomodação. A Irlanda também pede a comprovação de pelo menos 3 mil euros em espécie ou no cartão internacional e pede também o seguro governamental.

Como funciona a escola? O que vocês estuda?

A escola é especializada em línguas e idiomas, logo que você chega, você é encaminhado para fazer o teste de nivelamento de inglês, após o teste eles te encaminham para a sala de aula que enquadra com o seu nível de inglês, nessa sala vocês encontram pessoas de vários países. Eu acredito que a parte da escola no intercâmbio, é a fase mais importante, porque é onde você encontra inúmeras pessoas diferentes, de outros países, de outras culturas, onde você aprende muito.

Como é fazer amizade em outro país?

Fazer amizade em outro país é uma coisa muito diferente, não só como as amizades que você constrói quando você está na sua casa, quando está perto de seus amigos, aquela amizade de longo tempo. Amizade em outro país, necessariamente em um intercâmbio, são amizades muito intensas, você constrói amizades que parecem ser da vida toda, em poucos meses, em um mês você encontrou essas amizades, por você estar sozinho, com muita saudade… São amizades que com certeza são verdadeiras.

Você tem contato com outros brasileiros?

Aqui na Irlanda, precisamente em Dublin, tem muitos brasileiros, então querendo ou não você tem muito contato com outros brasileiros sim. No primeiro momento eu dividia apartamento com três brasileiros, assim que mudei de casa eu dividi com mais dois brasileiros e hoje divido com dois brasileiros e mais dois estrangeiros. Não tem como você fugir de brasileiros, é a sua cultura, são pessoas iguais a você.

O que você mais gosta e o que menos gosta da Irlanda?

O que mais amo na Irlanda são as pessoas, os Irlandeses são pessoas muito acolhedoras. Amo também a adversidade cultural dessa cidade (Dublin), você anda pelas ruas e vê manifestações artísticas, que é muito difícil encontrar no Brasil. É uma país aberto a novas culturas e a novas tecnologias; é um país que a pouco tempo na história que saiu de um período difícil e está aberto para o mundo, para o novo; é um país de muita adversidade. O que me incomodou um pouco, foi o clima, por mais que esteja com um solzinho, o clima muda muito rápido, chove e faz um pouco de frio, mas nada que você não acostume.

Quais lugares você teve o privilégio de conhecer fazendo este intercâmbio?

No primeiro momento ainda, eu só fui para a Escócia e a Irlanda do Norte, no fim do intercâmbio estou pretendendo fazer um mochilão por alguns países da Europa, porque a Irlanda é uma país muito fácil para você fazer esses mochilões, por estar perto de todos os países da Europa.

Alimentação: Comer em casa ou comer fora?

No primeiro momento, quando cheguei na Irlanda, eu comi muito em restaurantes brasileiros, por ainda não estar acostumado com a comida Irlandesa. Mas, no segundo momento, na Irlanda tem supermercados em cada esquina, e a alimentação aqui é muito barata, comparada com a do Brasil. Por semana aqui, eu gasto 15 euros com toda a alimentação, desde comida mesmo, até frutas.

Na Irlanda onde vocês mora? Como é a moradia?

Atualmente, moro num apartamento com mais quatro pessoas. Quem vem por agência tem um mês de acomodação aqui, então você tem este tempo para procurar outro lugar, o que não é difícil, já que existem muitas pessoas na mesma situação que você a procura de apartamento. No meu caso, para quem vem para Dublin, tem um grupo no facebook de classificados, de pessoas que já estão aqui passando vaga de quarto ou apartamento, então num certo momento eu vi a publicação no facebook, que é de onde estou agora, fiz a entrevista e tudo mais.

E o transporte?

Dublin é uma cidade super acessível  nos meios de transporte inclusive para quem é estudante, aqui tem ônibus direto, tem o trem que corta a cidade ao meio e tem o outro trem que te leva para cidades vizinhas, quem tiver curiosidade vale a pena dar uma pesquisada na internet para conhecer. Dublin é uma cidade muito desenvolvida, tem tudo e não tem grandes transtornos no trânsito como tem em algumas cidades do Brasil.

Quais são os pontos turísticos da Irlanda?

Olha, aqui na Irlanda, um dos principais pontos turísticos que eu acredito que são famosos é o Encostas de Moher, ele já foi considerado se não me engano uma das dez belezas naturais do mundo. A cidade de
Dublin é uma cidade muito bonita também, tem o spire, que  é uma agulha que fica no centro da cidade, em Dublin tem também a Catedral St. Patrick’s que é muito bonita, tem as praias também que são bem conhecidas, tem o local onde é gravado a série “Game of Thrones” e vários outros lugares…

“Então gente, é isso aí, pra quem estiver mais interessado sobre Dublin, eu tenho para vocês uma sugestão de um canal no youtube que se chama EDublin, é um casal, que conta todos os detalhes sobre o intercâmbio em Dublin, irão tirar várias dúvidas de vocês. Eles são super simpáticos, já estive com eles aqui em Dublin, então aconselho vocês a seguirem este canal e verem os vídeos deles. Então é isso, se você deseja fazer intercâmbio seja para a Irlanda ou para outro país, vá! O intercâmbio é uma experiência única, para a vida, você não apenas aprende uma nova língua, você cresce como ser humano, você aprende várias culturas, se diverte, se emociona, você se apaixona pelo lugar várias vezes. Intercâmbio não é brincadeira, muita gente pensa que é só festa, não, intercâmbio é crescimento. Então você que tem vontade, corra atrás, não desista dos seus sonhos, porque nada é impossível, junta uma grana e venha e se você não sabe falar inglês, venha assim mesmo, porque aqui é o melhor lugar para você aprender um novo idioma. Até mais e um forte abraço!”

Edimburgo – Escócia

 Glendalough National Park

Dublin

Wicklow Mountains.

Guinness Lake – Wicklow.

Edimburgo – Escócia

 Wicklow Mountains.

Castelo de Malahide.

Phoenix Park Dublin

Bray Sea Front.

St. Patrick’s Cathedral.

Calton hill – Edimburgo



Então é isso gente! Espero que vocês tenham gostado muito desse post de hoje!

Se você quiser continuar acompanhando mais sobre o intercâmbio do Luigi, o siga nas redes sociais, Instagram @luigiaugusto e facebook Luigi Augusto (aqui).

Háaa, não deixem de me seguir também, @amandaald_ e se inscrevam no meu canal no youtube AmandaDrumond.

Beijinhos, e até quinta ;*

Anúncios

2 comentários sobre “Intercâmbio para a Irlanda: Vale a pena?

  1. Oi Laise, Que bom que você gostou do post! Fico muito feliz por isso!
    Menina, apesar de não ter vontade de fazer intercâmbio, tenho uma vontade enooorme de conhecer Londres e Nova Iorque <3

    Mandei sua pergunta pra ele, assim que ele me responder eu te respondo!

    Continue nos acompanhando!!

    Beijinhos ;**

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s